aulastit

Sou professora de inglês desde 2012 e minha jornada nesta carreira começou meio por acaso – era para ser um trabalho temporário durante minha faculdade de Fonoaudiologia, mas acabei descobrindo que sou apaixonada pela troca de conhecimentos, pelo fazer-se útil ao ajudar alguém a quebrar barreiras entrando em contato com um novo idioma.

Eu não tenho certeza se deveria revelar este fato ou se existe um momento certo para contá-lo: eu tenho déficit de atenção e sou a típica adulta hiperativa, que está sempre falando e inventando algo para fazer. Por isso amo estudar sozinha e descobrir novas experiências por tentativa e erro. Em 2018, quando saí da última escola em que trabalhei e comecei, a passos lentos, a pensar a Multiverso, enfiei a cabeça nos livros para alinhavar um método de ensino condizente com minhas crenças a respeito da educação em si.

Sou apaixonada por lecionar tanto adultos quanto crianças, e porque crianças e adultos tem processos de aprendizagem diferentes, acredito que ambos precisam de processos de ensino diferentes. Meu tempo em salas de aula me ensinou que adultos são muito mais inseguros, no geral, do que crianças, e este é um dos grandes empecilhos enfrentados na hora de evoluir no idioma: o medo de errar, de não conseguir nunca, vão transformando qualquer novo desafio em um monstro intransponível.

Tentando desenrolar este novelo, puxei fios até chegar em quatro quesitos básicos para aulas mais fluidas e com menos percalços devido à insegurança.

* O saber cotidiano – é muito mais fácil aprender algo novo se podemos nos manter um pouquinho dentro da nossa zona de conforto. Ao estudar focando em vocabulário condizente com seu dia-a-dia, seja relacionado ao seu cotidiano em casa, no trabalho ou em algum assunto específico que você precisa aprofundar, você tem a chance de praticar com muito mais frequência, pois não vai precisar criar situações para praticar – elas já existem, nós só precisamos mudar alguns hábitos para incluir o inglês.

* Lógica – as teorias mais recentes de ensino se baseiam na abordagem comunicativa, que defende o uso intuitivo (com auxílio do professor) da língua antes de estudarmos formalmente os padrões gramaticais. Eu não estou aqui para invalidá-la, a teoria é fantástica! Mas… não seria mais fácil se pudéssemos entender pelo menos um pouquinho antes de sair dando voz à nossa insegurança através destas frases que ensaiamos sem sucesso? Minhas aulas são divididas em módulos e, no começo de cada um deles, antes de qualquer coisa, nós temos uma breve apresentação do que será estudado nas aulas seguintes. Eu vou te ajudar a destrinchar os padrões e estruturas para que você se familiarize com o que deve acontecer e possa construir sua prática e evoluir sem lacunas.

* Oralidade – não adianta nada estudarmos e não falarmos, né? Minhas aulas são dinâmicas e realizadas com muitos jogos, conversas sobre os mais diferentes tópicos, músicas e projetos. Meu foco também é ajudar você a construir o hábito de viver o inglês. Não é suficiente estudar uma hora por semana e fazer alguns temas. Você precisa de contato constante, e isto não significa perder horas por dia estudando. Juntos, nós vamos inserir rotinas acessíveis ao seu dia-a-dia para que o inglês deixe de ser o idioma que você estuda e passe a ser sua segunda língua. 

* Jogos de palavras –  um dos segredos para se aprender qualquer coisa é repetir, repetir e repetir, até que o objeto da repetição torne-se algo natural. Mas repetições não precisam ser mecânicas. Depois de entender a lógica por trás do idioma, vai ser muito mais fácil praticar, pois você não praticará a repetição de padrões prontos. Teremos o foco, em cada módulo, em um número definido de situações gramaticais, e as exploraremos juntos até que não restem dúvidas. Como você já terá entendido o que vai acontecer durante o módulo, será muito mais fácil praticar ao longo do dia com seu vocabulário pertinente.

Deu para ter uma ideia de como vamos trabalhar? Então segue para as imagens que montei para você entender como os sete módulos funcionam! 

E aí, preparado para começar nossas aulas? Clica aqui para ir para a página do produto na loja ou aqui se quiser conversar comigo 🙂

0

Share this:

Like this:

Like Loading...
%d bloggers like this: